Barbearia – 15 fatores importantes montar uma Barbearia de Sucesso-Parte I

Veja todos os detalhes desse lucrativo mercado.

Anúncios

imagem-annaPor  Anna Reis

Sabe que meu sonho mais recente foi criar uma Barbearia bem diferente da maioria? Mas eu não sabia todos os processos que envolviam a abertura e o desenvolvimento desse frenético e rentável negócio.

Então procurei o Sebrae e vou compartilhar com você os 15 fatores importantes para que você possa ter sucesso nesse mercado.

1 – Apresentação

O negócio de barbearia, inserido no ramo de estética e beleza, pode apresentar extrema diversidade de alternativas, desde o atendimento informal domiciliar a sofisticados salões de luxo, passando pelo atendimento no próprio domicílio, pelos salões ditos “de bairro” ou de pequeno porte e toda uma gama de portes intermediários.

É um negócio que exige bom desempenho profissional, sintonizado com as tendências definidas pelos padrões de moda que, eventualmente, exigem reciclagem em relação às atividades convencionais da atividade. Cursos profissionalizantes, normalmente de nível técnico, surgem a cada dia, criando novos padrões de desempenho e especializando os serviços.

Os serviços típicos prestados por uma barbearia do porte da aqui descrita são:

– Corte, hidratação, lavagem e serviço de camuflagem e coloração para cabelo;

– Barba simples e modelada (aparo).

Este documento não substitui o plano de negócio. Para elaboração deste plano consulte o

SEBRAE mais próximo.

2 – Mercado

Mercado Consumidor

O mercado consumidor de uma barbearia é composto por homens, mulheres, idosos, jovens, adultos e crianças, enfim, toda a população de um país pode ser considerada como potencial cliente. Dessa forma, e com base nas informações da Pesquisa por Amostra de Domicílios (PNAD) realizada no ano 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta uma população de mais de 190 milhões de pessoas, dos quais 51% são mulheres.

Porém, para melhor focar o seu negócio, o futuro empresário deverá analisar o local onde será instalando a barbearia, pois seus consumidores, em sua maioria, buscam tais serviços sempre perto de casa ou do trabalho. São raras as situações de desvios do trajeto casa-trabalho.

local da barbearia

É necessário identificar seu mercado: se o público for das classes A e B, você deve montar um local e serviços mais sofisticados. Se públicos da classe C, haverá que se diferenciar dos públicos A e B bem como dos públicos D e E. Sempre com diferencial de preços, de infraestrutura e produtos utilizados, porém com qualidade.

 

Concorrência

Apesar do número de concorrentes ter aumentado, a demanda possui forte perspectivas de crescimento, se configurando numa excelente oportunidade. Ademais, o setor apresenta uma grande maturidade, porém, ainda oferece enorme espaço para profissionalização e melhoria da qualidade, tanto dos serviços prestados quanto do atendimento pessoal ao cliente. Existe uma grande quantidade de barbearias que trabalha de forma precária, em instalações inadequadas, com profissionais mal preparados no mister em si e sem conhecimentos mínimos sobre a melhor forma de administrar um pequeno negócio.

concorrência

 

Fornecedor

Os serviços ofertados por uma barbearia variam desde corte de cabelo, camuflagem e coloração e hidratação quanto ao corte e aparo de barbas, sendo necessário para sua realização um bom profissional.

Há no Brasil excelentes cursos e escolas profissionalizantes que formam tais profissionais como: BarberClass (Paul Mitchell), BarberDay (Seu Elias) e o Meta Man (Pivot Point). Veja em nossa agenda!

Ademais, os demais produtos utilizados para os atendimentos como tesouras, cadeiras, espelhos, shampoo, cremes, finalizadores e outros, são encontrados facilmente no mercado brasileiro, inclusive os importados, considerados hoje mais acessíveis.

Nesse sentido, o futuro empresário do setor não encontrará problemas com o mercado fornecedor de equipamentos para estruturar o seu próprio negócio no Brasil. Existem várias marcas e de alta qualidade.

3 – Localização

A localização é um aspecto determinante do sucesso de qualquer empreendimento, sendo responsável pelo fechamento das portas de empresas com menos de quatro anos de funcionamento.

Os principais pontos a considerar são:

– O preço do aluguel;

– A compatibilidade entre o público local e o padrão de serviço a ser prestado: maior renda, maior sofisticação; menor renda, menor preço;

– Visibilidade: se não se sabe (ou se vê) que naquela localização existe o prestador de serviço, não se vai lá atrás do serviço;

localizacao_gps

– Conforto: se há necessidade de ir de carro, há que ter estacionamento; se a expectativa é de haver picos de demanda (caso típico de barbearias nos sábados), há de ter espaço suficiente para os atendimentos;

– O ambiente tanto da loja quanto da vizinhança deve ser agradável; etc.

Ao definir o local, o empreendedor deve ainda atentar para as características do imóvel em questão. Dentre os aspectos de infra-estrutura a serem observados estão itens tais como disponibilidade de água suficiente, gás, rede de esgoto, energia, comunicações e vias de transporte, dentre outras facilidades. Tudo o que faz parte da estrutura importa!

4 – Exigências Legais e Específicas

Para a abertura da empresa, abaixo é apresentado um passo-a-passo genérico para abertura de uma empresa no Brasil:

1º passo – Localização

2º passo – escolha do tipo de Sociedade Empresária

3º passo – Nome da Empresa

4º passo – Contrato Social e Demais Documentos

Ainda na Junta Comercial ou Cartório de Registro de Pessoa Jurídica, após a definição do nome da empresa, deverá ser apresentado os seguintes documentos:

– Contrato Social ou Requerimento de Empresário Individual ou Estatuto, em três vias;

– Cópia autenticada do RG e CPF do titular ou dos sócios;

– Requerimento Padrão (Capa da Junta Comercial ou Cartório), em uma via;

– FCN (Ficha de Cadastro Nacional) modelo 1 e 2, em uma via;

– Pagamento de taxas através de DARF.

5º passo – Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ).

6º passo – Alvará de Funcionamento

7º passo – Cadastramento na Previdência Social

8° passo – Aparato Fiscal

5 – Estrutura

A área destinada à barbearia vai variar de acordo com o padrão de sofisticação e diversidade do conjunto de serviços a serem ofertados e a quantidade de profissionais que serão contratados.

A estrutura básica aqui considerada, pra um salão de barbeiro “de bairro”, teria como dimensão uma loja de aproximadamente 33 m2 que conteria o salão propriamente dito, sem recepção, porém com cadeira(s) ou poltrona(s) para espera, banheiro de 4 m2 e área isolada por divisória para depósito de materiais, com aproximadamente 1,5 a 2 m2.

designer da barbearia.jpg

Note-se que, quanto mais sofisticado o salão e diversificados os serviços, novos espaços se tornam necessários, tais como maior área de depósito, recepção e sala de espera, salas de atendimento especiais ou até mesmo individuais, sanitários diferenciados para clientes e funcionários e separados por sexo, estacionamento, equipamentos de entretenimento (TV, TV a cabo, som, etc).

6 – Pessoal

No perfil de estabelecimento aqui adotado, não existem empregados, mas simplesmente associados ao proprietário. Este, ademais de ser prestador de serviços, cuida ainda do caixa, das compras, dos pagamentos e demais aspectos administrativos do negócio que, pelo porte, exige poucas horas diárias para o cumprimento.

Para estruturas mais sofisticadas, outros profissionais devem ser mobilizados – tais como recepcionistas, barbeiros, manicures, pedicures e outros especialistas contratados – e, dado o maior grau de complexidade gerencial, provavelmente um supervisor.

Treinamento Barberclass.jpg
Treinamento BarberClass para a Equipe Jacques & Janine (Shp Salvador e Shp Boa Vista) – BA

De um profissional desta área espera-se competência e atualidade profissional, ética, educação, simpatia e cordialidade.

Estas qualidades – se não inatas no profissional – podem ser desenvolvidas através da leitura de publicações especializadas, participação em seminários, congressos, cursos e outras formas de aprimoramento. A Executive Hair Academy pode lhe ajudar com a agenda dos melhores cursos e eventos do mercado. Cadastre-se aqui!

 

curso barberclass17
Curso BarberClass Salvador – Ba

 

O quadro de funcionários proposto para este perfil é o seguinte:

– 1 Proprietário que exerce a função de administrador e de barbeiro

– 3 Barbeiros profissionais comissionados (50% do valor do serviço prestado)

– Recepcionista

-Administrador

É imprescindível também que o profissional  BARBEIRO busque constantemente informações e especializações para atualizar seus conhecimentos e prover um atendimento cada vez mais qualificado para a clientela.

7 – Equipamentos

Para o perfil do salão de barbearia aqui descrito, os equipamentos essenciais são:

– Placa de identificação do estabelecimento

– 4 cadeiras básicas de barbeiro

– 1 lavatório

–  secador manual

– Armários com divisórias para material, gavetas, prateleiras, etc.

– Assessórios em geral (tesouras, escovas, pentes, navalhas , máquinas de corte etc.);

maquina de corte

– Balcão de atendimento

– 1 aparelho de TV;

– Espelhos fixos e pelo menos 1 de mão;

– 1 linha telefônica;Rede wifi

– Cadeiras ou sofás para espera;

– 1 kit de primeiros socorros.

kit primeiros socorros

A depender da sofisticação, outros equipamentos poderão integrar o ambiente, tais como microcomputador com impressora, equipamento de som, sistema de ar condicionado, máquina de café, frigobar ou geladeira, etc.

Estes implementos deverão ser quantificados em função do tipo e quantidade de serviços a ser prestados, bem como sua sofisticação dimensionada pelo perfil do público que se pretende atender.

Na parte II desse blog veremos outros 8 fatores importantíssimos para a abertura desse negócio. Fique com a gente! Siga nosso blog e faça seu comentário. Estamos juntos!

Veja também:Barbearia: Fazer só cabelo e barba é coisa do passado!